terça-feira, 25 de janeiro de 2011

O balão mágico

Estava me sentindo a mulher não maravilha, igualzinha à essa figura. Gorducha e nem tão felizinha como ela.
Regimes? Não respondia mais a eles. Começava 2ª feira e as vezes, nem à terça eu chegava.
Estava cansada de todos os regimes. Acho que conheço todos.
E fiz a maioria. Alguns, eu emagrecia. Mas ,num piscar de olhos, sem que eu percebesse, la estava eu, com os quilos perdidos e alguns extras achados no caminho...
Aliás, sempre notei isso: cada regime, emagrece, engorda, mas nunca no peso anterior, sempre mais.
Depois de tanto insistir e desistir, resolvi me dar uma outra chance. Voce ja ouviu falar no balão gastrico?
Pois la fui eu ao medico e coloquei o balão.
Desde o primeiro dia me senti muito bem, não tive indisposição, mal estar, nada.
Maravilha. Com o tempo fui percebendo que ele (o balão) não gostava de certas coisas, certas comidas e exageros. Assim convivemos 6 meses, ele me dando o apoio que eu precisava.

Olhem ele ai, meu amiguinho.
Comecei a me animar, fazer exercicios e perdi 13 quilos. Achei otimo.
Mas como tudo tem um fim, tive que retira-lo. Procedimento otimo, nada senti e estava muito feliz.
Agora vamos ver o que farei, depois de tanto esforço e vontade de emagrecer.
Quero olhar minhas roupas largas, e deixar para servir de exemplo. Ficar assim para sempre!.

Espero que meus olhos tenham emagrecido junto comigo, pois eu quero uma coisa e eles outra.
Por enquanto, estou muito feliz, e espero continuar assim, embora saiba que manter peso é uma eterna vigilancia.

Um comentário:

  1. Leya, voce esta OTIMA, tenho certeza que vai continuar magrinha...

    ResponderExcluir